Google+ Followers

quinta-feira, 28 de maio de 2015

O poder de uma língua


Como você usa certos atributos individuais? É provável que os use polidamente a fim de que possa empregá-los bem e manter a sua posição com equilíbrio e energia.
O mesmo se dá com o que falamos.“A língua é uma parte pequena do corpo, mas se gaba de grandes coisas. Vejam como basta uma chama muito pequena para incendiar uma grande floresta!   A língua também é um fogo. A língua representa um mundo de injustiça entre os membros do nosso corpo, pois contamina todo o corpo e incendeia por inteiro o curso da vida; suas chamas vêm da Geena. Pois toda espécie de animais selvagens, de aves, de répteis e de animais marinhos pode ser domada e tem sido domada pelos humanos.   Mas nenhum humano pode domar a língua. Ela é indisciplinada e prejudicial, cheia de veneno mortífero.   Com ela louvamos a Jeová, o Pai, e com ela amaldiçoamos homens que vieram a existir “à semelhança de Deus”.  (Tiago 3:5-9) O poder de uma língua depende de como a usa. Depende de como se envolve com aqueles que prezam, honram e investem no que é bom.

Morte e vida estão no poder da língua; os que gostam de usá-la comerão os seus frutos. (Provérbios 18:21) A língua é tão intrigante que lembramos do que lemos na Bíblia, em Gênesis, quando, em tão pouco tempo, a língua fez tão grande mal, quando Satanás tornou Eva refém da desobediência por se fazer ouvir. Não devemos dar ouvidos a certas pronunciações exatamente por acontecimentos como esses. 
Que o nosso sábio e justo Deus Jeová nos dê um bom dia de harmonia e espírito santo em nome de nosso Senhor Jesus Cristo!

                                                           Joca Vitorino


Pensamento: "Palavras impensadas são como os golpes de uma espada, mas a língua dos sábios é uma cura." (Provérbios 12:18)

Nenhum comentário:

Postar um comentário