Google+ Followers

domingo, 25 de janeiro de 2015

Salmo 91 -Proteção e segurança

As leis contra as leis da Bíblia são os atrativos do mundo contra os que querem fazer o que é direito.
O mundo parece perfumado, florido, brilhante e colorido para que não se enxergue o verdadeiro propósito de Deus para a humanidade. A mídia não se cansa de mostrar só prazeres, só diversões, só alegria num processo enganoso e aparentemente feliz: a armadilha. Mas, temos uma garantia de proteção: “Quem morar no lugar secreto do Altíssimo procurará para si pouso sob a própria sombra do Todo-poderoso. Vou dizer a Jeová: “[Tu és] meu refúgio e minha fortaleza, meu Deus, em quem vou confiar.” Pois ele mesmo te livrará da armadilha do passarinheiro, da pestilência que causa adversidades.
Visto que [disseste]: “Jeová é meu refúgio”, fizeste do próprio Altíssimo a tua habitação; Nenhuma calamidade te acontecerá, e nem mesmo uma praga se chegará à tua tenda. Porque dará aos seus próprios anjos uma ordem concernente a ti, para te guardar em todos os teus caminhos. Carregar-te-ão nas suas mãos, para que não dês com o pé numa pedra.” (Salmo 91:1-3, 9-12) Por isso que Cristo disse que os seus verdadeiros seguidores não fariam parte do mundo, isso os faz ficar livres da pestilência, a contaminação que o mundo causa aos que se envolvem nele. (João 17:16)
Nosso modo de vida tem grandes efeitos sobre as pessoas da família, do meio social e sobre o próprio Criador. As flechas de dia que fala o Salmo significam as acusações falsas, as difamações. e a luz do meio-dia significa o conceito de homens e não os princípios divinos. Entendemos que essas são ajudas para que não caiamos nas armadilhas que o mundo oferece tão calorosamente.
Que o nosso soberano, benevolente, amoroso e santo Deus Jeová nos dê um bom dia de alegria, amor, paz, sabedoria e humildade em nome de nosso Senhor Jesus Cristo!

                                                              Joca Vitorino

Pensamento: “A própria prata deles lançarão nas ruas e o próprio ouro deles tornar-se-á uma coisa abominável. Nem a sua prata nem o seu ouro poderá livrá-los no dia da fúria de Jeová. Não fartarão as suas almas e não encherão os seus intestinos, porque isso se tornou uma pedra de tropeço, causando seu erro.” (Ezequiel 7:19)

Nenhum comentário:

Postar um comentário