Google+ Followers

domingo, 21 de setembro de 2014

Uma estrada para você caminhar

Eles que erraram, tem errado e querem prosseguir errando não se aproximam da estrada bem cuidada e segura, porque sabem que os imprudentes e os desviados não andam nesse caminho.
Coisas assim, assistimos num Congresso cristão, realizado pelas Testemunhas de Jeová, e andar em estrada que conduz à vida não condiz com quem tem práticas condenadas pelo próprio Criador, como registrado na Bíblia em Gálatas 5:19-21. Fala também, na Escritura Sagrada, que o caminho do preguiçoso é como uma sebe de sarça (erva-moura, espinheiro, algo prejudicial), mas a vereda dos retos é um caminho aterrado." (Pro.15:19) Falando do preguiçoso em sentido físico e espiritual. E sair da faixa da estrada que mencionamos é como a morte espiritual, mas para evitar tal acontecimento deve-se evitar práticas mencionadas na Bíblia, em Efésios 4:31.
Outros assuntos podem direcioná-lo na estrada ou afastá-lo dela e tem que estar atento, como no caso de ser muito sensível e se ofender com facilidade. Isso é como óleo derramado na pista. Outra coisa é alimentar fantasias imorais. No Congresso, o orador deu o exemplo de um pássaro que voa sobre sua cabeça. Você faz menção de afastá-lo de si, é claro. Mas, se o pássaro persiste em estar sobre sua cabeça para fazer um ninho é provável que você não o deixe fazer isso, pois lá não é lugar. E nos insta a comparar a ideia do ninho com as fantasias imorais; se alimentar, vai permitir.
Esses aprendizados são como elos numa corrente que temos que acoplar constantemente para que sejam fortes, sejam grandes, mas sejam firmes, aceitáveis, como a Palavra de Deus, que envolve e liberta. (João 8:32) São pensamentos com embasamento real, comprovado.
Que o nosso supremo, eterno, santo, louvável, digno e santo Deus Jeová nos dê um bom dia de paz, amor, justiça, alegria, sabedoria, proteção, bençãos e boa saúde em nome de nosso Senhor Jesus Cristo!  

                                                            Joca Vitorino

Pensamento: "Não estejais amando nem o mundo, nem as coisas no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele; porque tudo [o que há] no mundo - o desejo da carne, e o desejo dos olhos, e a ostentação dos meios de vida da pessoa - não se origina do Pai, mas origina-se do mundo." (1 João 2:15, 16)  

Nenhum comentário:

Postar um comentário