Google+ Followers

quinta-feira, 29 de maio de 2014

O amor quer ser apresentado a você


De quanta motivação você precisa para ser feliz? Quanto da sua vida já foi perdido em empenhar tanto tempo só em pensar, mas decidir que é bom, esteve longe do seu alcance? O que está faltando para que a sua felicidade seja completa? Às vezes, tudo o que mais precisamos é encontrar em nós mesmos tudo o que gostaríamos que acontecesse. Por exemplo, o amor está em você, mas você fica buscando onde nem mesmo você sabe se vai encontrar. O amor quer ser apresentado a você. Quer sair daí de dentro do seu coração e mostrar que ele existe, mas você, com seus pensamentos angustiantes, negativos, depressivos, quer que ele venha e se mostre da maneira que você imagina, não como ele é. 
O amor quer ser apresentado a você, e ele está bem próximo, só esperando a sua decisão. Ele quer que você entenda que é muito mais do que o seu desejo pessoal, que é mais do que simplesmente pensar; é uma questão de atitude, e como tal necessita de raciocínio, reflexão.
O amor não é uma pessoa com o sorriso lindo, cativante. Nem é um corpo exuberante e atraente. O amor é o vapor da sua vida, que percorre o ciclo do seu coração e vai e volta sempre, como acontece com a água, que se evapora e torna a cair em forma de água. Só que o vapor do amor não o deixa, não sai de você. Apenas circula para ver o que está acontecendo ao seu redor.
O amor quer conhecer você. Ele quer saber o que você gosta, o que você faz, com quem anda e por onde anda. O amor quer ter prazer em conhecer. Prazer emocional, mental também, não só o prazer físico.
Dê uma chance a você mesmo de ser feliz. Deixe o amor conhecer você.
Dessa mesma maneira buscamos conhecer a Deus. O amor nos aproxima Dele. O amor nos faz conhecer e ter amizade e intimidade. E a alegria de poder falar e contar sempre com que se dispôs a nos acompanhar.
O amor é se dar para o outro, não cobrar por isso; não exigir algo em troca, assim como Jesus Cristo deu sua própria vida por nós. Amar é assim: a entrega. (Romanos 5:6-8; João 3:16; Gálatas 2:20; 2 Coríntios 5:14, 15; João 10:17; Efésios 5:1, 2)
Homenagem a Deus, aos meus filhos, irmãos,  pai e mãe (in memorian).
Que o nosso soberano, excelente provisor, amigo fiel, justo e supremo Deus Jeová nos dê um bom dia segundo a Sua santa vontade em nome de nosso Senhor Jesus Cristo!

                                                                  Joca Vitorino

Pensamento: "O amor não obra o mal para com o próximo; portanto, o amor é o cumprimento da lei." (Romanos 13:10)

Nenhum comentário:

Postar um comentário