Google+ Followers

terça-feira, 20 de maio de 2014

O amor do jeito que eu queria

Toda as vezes que publico postagens aqui no Blog, sinto necessidade de escrever para beneficiar as pessoas, para levá-las à reflexão, para ajudá-las a entender melhor o processo de viver com amor, com dignidade, com entendimento correto e, principalmente, para achegar-nos a Deus.
Escrevo sobre amor porque amo. Amo as pessoas e amo aprender o que é bom. Um exemplo disso é que hoje, numa inspeção pela net, li um texto que contava a história de um pedreiro que estava às vésperas de se aposentar para passar mais tempo com a família e o seu chefe lhe pediu que fizesse apenas mais uma obra, e ele foi, descontente, mas foi. E começou o projeto desanimado, fazendo um serviço de baixa qualidade e usando materiais inadequados. Quando concluiu o serviço o seu chefe foi encontrá-lo e depois de inspecionar a obra entregou-lhe as chaves, dizendo: -'Eis o meu presente para você!' E ele ficou envergonhado e pensou que se soubesse que era pra ele tinha feito muito melhor, pois era capaz. Que lição isso é para nós! Muitas vezes não damos o nosso melhor nos serviços que prestamos, no atendimento que damos a outrem e no modo como tratamos as pessoas ao nosso redor, mas isso tem retorno. Isso tem um efeito bumerangue: vai e volta. Como a palavra de Deus afirma: "O que o homem semear, isso também ceifará." (Gálatas 6:7) Uma confirmação de que nossas ações são as decisões de que amanhã o nosso dia será de acordo com o que construímos; se usamos bom material ou não.
O amor do jeito que eu queria é assim, um entendimento não egoísta de fazer as coisas para ajudar aos outros e sentir a plenitude de ter ao seu lado alguém que o impulsione a ser melhor a cada dia.
O amor do jeito que eu queria é um amor que nos condicione a manter nosso Deus Jeová nos nossos corações, sempre. Que mantenhamos esse relacionamento com o Criador.
Que o nosso soberano e santo Deus Jeová nos dê um bom dia de muita paz, sabedoria, amor, alegria e bençãos em nome de nosso Senhor Jesus Cristo!

                                                                         Joca Vitorino

Pensamento: "Ele te informou, ó homem terreno, sobre o que é bom. E o que é que Jeová pede de volta de ti se não que exerças a justiça, e ames a benignidade, e andes modestamente com o teu Deus?". (Miquéias 6:8)

Nenhum comentário:

Postar um comentário