Google+ Followers

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Influência

Imagem e texto de hoje: https://plus.google.com/photos/107925903145619205839/albums/5897155477838808209/5914798492282511890?banner=pwa&pid=5914798492282511890&oid=107925903145619205839
Uma pessoa cuida da outra, zela, ajuda, participa, ama. 
Desde a infância somos envolvidos com as críticas e sugestões de quem está ao nosso redor. Normalmente os membros da nossa família e colegas de escola são os que mais participam desse nosso tipo de formação. Existem também os meios de comunicação como as propagandas, filmes, novelas e músicas.
Uma pessoa simples, talvez tímida até, pode ter um grau de dificuldade maior do que os outros para fazer apresentações de trabalhos escolares, mas durante o período letivo e anos seguidos de tentativas, frustrações e vitórias essa pessoa desenvolve uma ou mais características dos seus outros colegas. Sempre há um que se apega mais, torna~se o confidente. Vai haver outro que, por sua alegria e disposição, atrai a si a admiração dos outros. E outro que por sua boa orientação doméstica se faz ouvir perante todos os outros; é a voz dos seus colegas. Há aluno que se destaca até por sua brandura e quietude; é o 'juiz' da classe. Existem os nerds, os desligados, os brigões, os que não estão nem aí, e os alunos comuns, que seguem o que os outros fazem, sem nenhuma pretensão do que ser ou do que fazer. Esses são mais suscetíveis às influências. 
Uma pessoa cuida. Tem a influência da mãe ou do pai; um zelo familiar por quem quer que seja.
Uma pessoa zela. Tem a influência do educador (talvez até da avó).
Uma pessoa ajuda. Tem a influência do que vislumbrou nos dias em que estiveram juntos.
Uma pessoa participa, influenciada pela escola, pela mídia e mesmo pelo que associa no seu dia a a dia.
Uma pessoa ama. Pode ser influência derivada da educação doméstica, religiosa e escolar juntas.
Todos nós sofremos influência no sentido familiar, moral, religioso, profissional e social. O caso é: como você recebe ou aceita tais influências? Será que deve resistir? 
O que sabemos com certeza é que devemos ter a mentalidade segundo o espírito e nunca segundo a carne, se quisermos sobreviver. Romanos 8:6, 12:12-21; João 6:63; Gálatas 5:17 e 6:8 são textos que edificam, ensinam, ajudam e são práticos para a nossa vida e devem ser lidos com meditação no coração.
Que o nosso soberano e eterno Deus Jeová nos dê um bom dia de alegria, amor, paz em abundância e frutos do Seu espírito santo, além de uma chuva de bençãos sobre nós em nome e pelos méritos do sacrifício resgatador de nosso Senhor Jesus Cristo!

                                                                        Joca Vitorino 

Pensamento: "Vi servos sobre cavalos, mas príncipes andando na terra como se fossem servos." (Bíblia-Eclesiastes 10:7) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário