Google+ Followers

terça-feira, 7 de maio de 2013

Gostar de alguém

Imagem e texto de hoje: http://i40.tinypic.com/6rom7b.jpg

Como é bom gostar de alguém!
Melhor do que isso é se esse gostar for correspondido.
É muito comum as pessoas hoje, principalmente os jovens, terem o desejo de impressionar outros e, às vezes fazem isso com atitudes que não condizem com o que realmente sentem; pode ser por não aceitarem a ideia de que alguém saiba que sofreu por gostar e isso venha a causar um impacto negativo à sua imagem. Pode ser por pressão de amigos. Seja o que for, gostar de alguém pode ser como uma faca de dois gumes: traz benefícios e pode causar danos. Normalmente os danos são considerados pelo que a pessoa passa em determinada situação. O que contribui para que essas pessoas não desejem que outros saibam o que está acontecendo com a sua intimidade é a vergonha. Para eles é vergonhoso gostar de alguém, principalmente se não for correspondido. Na verdade as pessoas comparam suas vidas com o que acontece nas propagandas, filmes, novelas, livros e revistas. E sofrem com isso. E sofrem por isso.
Gostar de alguém é como sentir o pôr do sol, é como deitar na relva e sentir a brisa suave tocar a pele, é como uma oração onde pedimos um 'muito obrigado por mais um dia' e é como uma benção na vida de qualquer um. Imagine aí se não fosse o gostar. Com tanta violência no mundo, se não gostássemos de alguém, não ouviríamos falar de paz.
Gostar de alguém pode ser considerado uma dádiva. Por que? Porque o fato de gostar emociona, vibra e cria boas vibrações, energiza, colore a vida e dá vontade de mostrar o que sentimos.
Gostar de alguém é como fez Jeremias, o profeta, que numa terra onde imperava a maldade e discórdia, foi pregar o que Jeová lhe comissionara.
Gostar de alguém é como fez o apóstolo Paulo, que depois que conheceu a verdade, imitou a Cristo de tal maneira que deixou maravilhosos ensinamentos para nós.
Gostar de alguém é um gesto especial, como fez Jesus Cristo, que se deu por nós, para a nossa salvação e dedicação a Deus. Esse gostar foi que o levou a amar.
Sinta isso: gostar de alguém leva ao amor e o amor nos conduz por caminhos que devem ser seguidos. O exemplo de Cristo é bastante para entendermos bem isso e para termos certeza de que realmente dá certo.
Jesus disse: "Olhai para que ninguém vos desencaminhe, pois muitos virão... e desencaminharão a muitos." (Mateus 24:4,5) Se prestar deveras atenção entenderá que gostar de alguém nos leva a fazer obras de pregação como Cristo nos instou a fazer. Como lemos no texto acima, devemos estar sim, atentos aos que falam a Palavra, pois muitos seriam desencaminhadores, conforme o texto. Existe um povo que se preocupa em ajudar e demonstra que gostar de alguém é falar a Palavra de Jeová com denodo, com alegria e com amor. Esse povo que ouve e segue os mandamentos bíblicos e que sabe que ouviremos falar de guerra, mas não é preciso se apavorar ... acontecerão coisas que serão um princípio das dores de aflição. E serão entregues a tribulação e serão odiadas por todas as nações, por causa do nome de Cristo (Mateus 24:6-14). Existe um povo que prega as boas novas do Reino em toda a terra e todos os conhecem como Testemunhas de Jeová. Esse povo que segue os princípios bíblicos e os mandamentos.
Dá pra perceber o que é gostar de alguém?
Que Jeová nosso glorioso Deus nos honre com um bom dia de alegria, paz e esperança, com bençãos de proteção em nome de nosso Senhor Jesus Cristo!

                                                                              Joca Vitorino

Pensamento: "Todos os rios correm para o mar, contudo o próprio mar não está cheio." (Eclesiastes 1:7)

Nenhum comentário:

Postar um comentário