Google+ Followers

domingo, 28 de abril de 2013

Reconhece o que faz pelo que diz?

Imagem e texto de hoje: http://i41.tinypic.com/15n3q1i.jpg

É tão abençoado reconhecer que os dias são uma dádiva de Jeová!
Como é bom acordar! Como é bom mais um dia em ter vida e saúde! Existem maravilhas para o deleite humano, mas a preocupação maior ainda é o 'eu'. Até mesmo pessoas que se dizem religiosas, quando estão em débito com o outro, dizem: "-Tudo bem. Sabe como é, né? Dívidas a pagar... mas não se preocupe que Jesus está no controle." E passam um período assim. Semanas, meses e sempre colocam um texto esquematizado de que Jesus está no controle. Só que acontece uma coisa incrível depois. Quando conseguem saldar a dívida (levam semanas para organizar e levantar fundos) se enchem de um ar diferente do que respiramos e tem muita pressa em resolver a questão e perdem a paciência, uns até dizem ter perdido a esperança. [Incrível, Fantástico, Globo Repórter!] O Jesus que professam já não está mais no controle. Que será que houve? Pode um servo de Deus -fiel- perder a esperança assim? O que acontece com a fé de pessoas como essas? Entendemos bem que o que acontece realmente é que o egoísmo -perdoemos os que agem assim- ainda é um martírio para quem pensa ser cristão, pois a Palavra de Deus nos mostra claramente que 'quem pensa estar de pé, acautele-se para que não caia' (1 Coríntios 10:12). Provavelmente, essas pessoas tem até um desejo sincero no coração, mas agem como o apóstolo Paulo, antes de ter-se tornado cristão: seguem um caminho que pensam estar agradando a Deus ou mesmo seguem um caminho porque já foi trilhado por um ente querido deles. Se aproximar de Deus exige muito mais do que apenas professar. É da abundância do coração que a boca fala (Mateus 12:34).
É tão abençoado reconhecer que somos humanos imperfeitos e buscarmos aperfeiçoamento por Cristo!
Que o nosso glorioso Deus Jeová, Deus de dádivas e misericórdia nos abençoe e nos perdoe, permitindo um bom dia em nome de nosso Senhor Jesus Cristo!

                                                                              Joca Vitorino

Pensamento: "Se apanhares um cachorro faminto e lhe deres todo o conforto, ele não te morderás. Eis a principal diferença entre um cachorro e um homem." (Mark Twain)

Nenhum comentário:

Postar um comentário