Google+ Followers

domingo, 31 de março de 2013

Onde está Deus?

Imagem e texto de hoje: http://i50.tinypic.com/2ih4cyb.jpg

"Ele te informou, ó homem terreno, sobre o que é bom. E o que que Jeová pede de volta de ti senão que exerças a justiça, e ames a benignidade, e andes modestamente com o teu Deus?" (Miquéias 6:8 - Tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradas). Isso nos mostra bem o quanto de conhecimento devemos adquirir acerca de Deus e de Jesus Cristo. Também nos ensina em relação a religiosidade, pois o homem tem buscado Deus de uma maneira DESESPERADA e, por consequência, tem seguido caminhos fáceis ou mesmo diferentes do que lemos no texto de Miquéias, quando pede para andarmos modestamente com  Deus. Segundo o Dicionário Online de Português, modéstia é [s.f.]  qualidade de modesto; desambição; humildade e seus sinônimos são naturalidade, simplicidade e singeleza. Segundo a Wikpédia: modéstia abrange um jogo de cultura ou valores religiosos determinados que relacionam-se uns aos outros. Portanto, vale ressaltar que andar modestamente com o seu Deus é manter a verdade no seu coração, contudo, a verdade não é o que você ouve alguém dizer e acredita por não ter mais conhecimento do que aquela pessoa, e sim quando você busca, pesquisa, medita e reflete em tudo o que for baseado naquele assunto.
Na Bíblia, em Atos 17: 1-5 lemos que os bereanos eram de mentalidade esclarecida. Eles raciocinavam com o apóstolo Paulo à base das Escrituras. Não só o ouviam falar e prontamente acreditavam. Antes, eles iam buscar conhecimento na Palavra de Deus. Paulo seguia o modelo estabelecido por Jesus Cristo de usar a Palavra de Deus como base para os ensinamentos (Lucas 24:32). É isso o que devemos fazer. Não simplesmente ouvir alguém pregar, dizendo que a Palavra de Deus diz isso ou aquilo outro e não comprovar na Bíblia. Ou que preguem baseados em um único texto da Bíblia, pois ela é harmoniosa e completa em si, devendo ser e ter tudo de acordo.  
O verdadeiro cristão ouve, medita e aplica o que está escrito na Bíblia. Ele ora e pede conhecimento e sabedoria para usá-lo. O verdadeiro cristão quer esclarecimento sobre os assuntos que dizem respeito a adoração verdadeira e sobre seguir o caminho que conduz à vida eterna. Ele não fica refém do que um pregador fala do alto do seu púlpito e desafia a moralidade cristã de pagar para ser aceito, de doar valores e bens para ter a aprovação de Deus. O Filho do Deus Todo-Poderoso, Jesus Cristo nos ensinou que para ter vida eterna deveríamos obter conhecimento exato de Deus e do próprio Cristo. Foi assim que ele ensinou. Exatamente assim. (João 17:3).
Que o nosso soberano, grandioso e excelso Deus Jeová nos dê um bom dia por Jesus Cristo, nosso Senhor!

Pensamento: "Se resistimos a nossas paixões, é mais pela sua fraqueza do que pela nossa força." (La Rochefoucauld)

Nenhum comentário:

Postar um comentário