Google+ Followers

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Seus alvos podem ser alcançados. Como?


Suas perguntas são respondidas? 

 É bem provável que você deseje obter respostas às grandes perguntas da vida. Sem dúvida, às vezes se pergunta: ‘Qual é o objetivo da vida? É esta vida tudo o que existe? Como é Deus, realmente?’ É bom fazer perguntas assim, e é importante não desistir até encontrar respostas satisfatórias e confiáveis. O famoso instrutor Jesus Cristo disse: “Persisti em pedir, e dar-se-vos-á; persisti em buscar, e achareis; persisti em bater, e abrir-se-vos-á.” — Mateus 7:7.
Se você ‘persistir’ em buscar respostas às perguntas importantes, verá que essa busca pode ser muito recompensadora. (Provérbios 2:1-5) Independentemente do que outros talvez lhe tenham dito, as respostas existem, e você poderá encontrá-las — na Bíblia. As respostas não são muito difíceis. Melhor ainda, elas dão esperança e alegria. E podem ajudá-lo a ter uma vida satisfatória já agora. 
instrutores religiosos às vezes levam as pessoas a pensar que Deus é insensível. Como assim? Em casos de tragédia, por exemplo, eles dizem que essa é a vontade de Deus. Na realidade, tais Instrutores culpam a Deus pelas coisas ruins que acontecem. É essa a verdade a respeito de Deus? O que a Bíblia realmente ensina? Tiago 1:13responde: “Quando posto à prova, ninguém diga: ‘Estou sendo provado por Deus.’ Pois, por coisas más, Deus não pode ser provado, nem prova ele a alguém.” Portanto, Deusjamais é o causador da perversidade que vemos no mundo ao nosso redor. (Jó 34:10-12) Ele permite que certas coisas ruins aconteçam, é verdade. Mas existe uma enorme diferença entre permitir que algo aconteça e causar isso.
Por exemplo, pense no caso de um pai sábio e amoroso que tenha um filho adulto que ainda mora com os pais. Se esse filho se torna rebelde e decide sair de casa, o pai não o impede de fazer isso. Se ele escolhe um mau caminho na vida e se mete em dificuldades, será que o pai é o causador dos problemas do filho? Não. (Lucas 15:11-13) Da mesma forma, Deus não impediu os humanos de seguirem o mau caminho que escolheram, mas ele não é o causador dos problemas que resultaram disso. Certamente, pois, seria injusto culpar a Deus por todos os problemas da humanidade.

O QUE A BÍBLIA ENSINA

Copyright © 2012 Watch Tower Bible and Tract Society of Pennsylvania, Inc. All rights reserved. 


ASSOCIAÇÃO TORRE DE VIGIA DE BÍBLIAS E TRATADOS

Nenhum comentário:

Postar um comentário